Curta a nossa página
 
06/05/2021 às 23h42 Redação Você está aqui: Home / Covid-19 Imprimir postagem

Nota da Sesau de Camaçari sobre nova variante da Covid-19 P.1 de Manaus

ASecretaria da Saúde (Sesau) de Camaçari informa que tomou conhecimento sobre a presença da variante da Covid-19 P.1 de Manaus no município, através do Comunicado de Alerta SESAB/SUVISA/CIEVS Nº 08, enviado para todos os municípios da Bahia, recomendando a adoção de medidas restritivas para prevenir a disseminação da variante. 

Entretanto, desde os meses de fevereiro e março, com o aumento expressivo do número de casos novos da Covid-19 em Camaçari, as medidas sanitárias de maior restrição já estavam sendo adotadas por indicação das autoridades sanitárias do município, uma vez que se percebeu uma mudança no comportamento da doença.

A Sesau informa que já solicitou e permanece no aguardo de informações mais detalhadas por parte da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) acerca dos casos de infecção confirmados pela nova variante no município, bem como número de óbitos. Porém, até o momento, a Sesab não enviou detalhes sobre o assunto, além do comunicado sobre a presença da nova variante no município e em outras 32 cidades baianas, entre elas as cidades vizinhas de Lauro de Freitas, Dias d’Ávila e a capital baiana.

O comunicado da Sesab confirma as suspeitas de que a variante P.1 de Manaus já estaria presente na Bahia, inclusive em Camaçari, em virtude da velocidade de transmissão e gravidade dos casos acometidos pela doença de janeiro a março deste ano. Características muito semelhantes a da variante que acometeu a capital amazonense. Daí a importância de todas as medidas restritivas que foram adotadas até aqui em Camaçari e na Bahia.

Respaldada mais ainda nessa informação, agora confirmada pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde da Sesab, a Secretaria da Saúde de Camaçari reafirma a necessidade da manutenção das medidas preventivas, como uso constante de máscaras, uso do álcool em gel e o distanciamento social. Assim como reitera, que a única forma de vencer esta pandemia é com a vacinação em massa, algo que o município está preparado para fazer, dependendo apenas de receber do Ministério da Saúde e do Governo do Estado da Bahia o quantitativo de doses suficiente, algo que não ocorreu desde o início da vacinação.

Quadro epidemiológico de Camaçari

Nesta quinta-feira (6/5) Camaçari possui 45% dos leitos clínicos Covid ocupados, assim como 75% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), além de 561 casos ativos e 34.143 pessoas vacinadas com a primeira dose e outras 15.324 com a segunda dose da vacina contra a Covid-19.

O quadro atual vivido no município é o resultado de sérias medidas restritivas adotadas no enfrentamento ao novo coronavírus. Há cerca de 45 dias, Camaçari vivia o pior momento da pandemia, com cerca de 1.800 casos ativos por dia, 100% de ocupação de leitos, unidades de urgência e emergência superlotadas e fila de espera com mais de 40 pessoas por dia aguardando um leito Covid.

Com base neste cenário, a Sesau enfatiza que até que ocorra a vacinação em massa, é necessário a população continuar vigilante quanto às medidas preventivas para evitar um novo pico da pandemia.


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.